quarta-feira, 4 de março de 2009







Ciranda de Leitura encanta criançasImprimirE-mail








Resley Saab
25-Out-2008
Maioria dos espetáculos é adaptada de contos literários e possuem caráter itinerante

coral_06_251008.jpg


A necessidade da preservação do meio-ambiente, a valorização da poesia como um dos instrumentos de expressão legítima do povo e o resgate dos valores culturais são alguns dos muitos temas já apresentados à pelo menos 14 mil estudantes, de 32 escolas de Rio Branco, pelos artistas do Centro de Multimeios.


Tão essencial quanto os conteúdos pedagógicos tradicionais, os espetáculos, conhecidos por Cirandas de Leitura, são adaptados geralmente a partir de livros infantis e encantam pelo seu caráter orientador e estimulante a novos conhecimentos.


Nesta sexta-feira, os atores se apresentaram a cerca de 300 estudantes de cinco escolas do município, com a peça “Timóteo, o Tatu Poeta”, no teatro Plácido de Castro, “o Teatrão”. O espetáculo é adaptado de um conto, cuja trama se passa em torno de um tatu que resolveu se expressar somente em rimas. Com esta atitude, Timóteo causa repulsa em Madame Tatua, que, pelo descontentamento descomunal, resolve censurá-lo levando-o a um tal “Conselho dos Tatus”.









coral_01_251008.jpg
coral_-_dsc02057.jpg
coral_02_251008.jpg

Em meio ao espetáculo, cenas de encantos de uma noite enluarada dão o mote perfeito para que as crianças da platéia sonhem com dias melhores para um planeta ambientalmente ameaçado.


Na apresentação desta sexta-feira, o Coral Boca Pequena também emocionou com as crianças da escola Maria Lúcia Marins. Elas entoaram canções relacionadas ao Ano Internacional do Planeta Terra, que é comemorado agora em 2008.


O estudante Nilvan Monte, da Escola Mário Lobão, apresentou uma paródia construída em torno de “Asa Branca”, de Luiz Gonzaga. A música foi uma homenagem ao prefeito Raimundo Angelim, e pedia, entre outras coisas, que ele continuasse nesta nova gestão para a qual foi reeleito, o que classificou de “belíssimo trabalho”.



Conforme Marília Bonfim, coordenadora do Centro, “promover manhãs de atividades como esta são essenciais porque a leitura e a arte são caminhos integrais no processo de desenvolvimento dos alunos”. “Estas apresentações são bens culturais para uma escola que deve ser plena de cidadania”, afirma. Todos os dias, uma Combi deixa a sede da instituição, que é vinculada à Secretaria Municipal de Educação, lotada de quinquilharias e de artistas para os espetáculos itinerantes, nas escolas de Rio Branco.

Novo ônibus - em tom de agradecimento, o secretário Municipal de Educação, Moacir Fecury, destacou que o Centro de Multimeios “é motivo de muita felicidade para a Educação” e um dos complementos da Prefeitura de Rio Branco, na meta por um ensino de qualidade.


Fecury anunciou ainda que está em fase de licitação a aquisição de um novo ônibus para o deslocamento dos estudantes do ensino municipal, proporcionando mais conforto e segurança à alunos e professores. Atualmente, 36 mil crianças estão matriculadas na rede pública municipal de ensino.



Este foi realmente um dia muito especial!!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário